Páginas

18 de julho de 2014

Vá de tricot!

Acordei com esse friozinho gostoso e logo veio o assunto do post de hoje: tricot! Ele invadiu as coleções de outono/inverno e já é uma peça coringa no meu guarda-roupa.


HISTÓRIA DO TRICOT

As primeiras peças de tricot serviram aos faraós e depois aos pescadores. A criatividade entre lãs e agulhas tornou o tricot universal, sofisticado e , ao mesmo tempo, acessível para todos.

É difícil precisar quando foi inventado, mas historiadores encontraram tecidos das antigas culturas peruanas de aproximadamente 600 a.C. Também foi descoberto que os tecidos não eram feitos com um pedaço de fio contínuo, mas sim com pedaços separados de linha, unidos com alças, com uma agulha de costura. Para entrelaçar as fibras eram usados ossos e madeira. Bacana, não?

Aqui no Brasil, o tricot ganhou força na cidade de Monte Sião, que até hoje é conhecida por esse motivo. No final da década de 60, as mulheres montessionenses produziam peças de tricot artesanalmente e vendiam na praça pública, já que a região tinha um forte turismo.


O mais legal em peças de tricot é que elas transitam do dia a dia para a noite apenas mudando alguns acessórios. Para o dia uma combinação que uso muito é maxi blusão de tricot, legging de corino e bota baixa, fica ultra confortável e com cara de "arrumadinho", rs. Para a noite daria para trocar a bota baixa por uma anklee boot de salto e acrescentar um brinco ou colar com pedras e voilá! Fácil, né? Além de ser super prático, pois pode ser levado na bolsa e nos salvar daquele ventinho cortante de fim de tarde.

Há um tempo atrás eu encontrei um site chamado Galeria Tricot, que depois passou a ser popularizado na internet pelas it blogueiras de moda. Como ainda não comprei nada deles, não posso garantir que seja de qualidade, mas dá para encontrar bastante peça bacana e por um preço relativamente acessível. Olha só:



Quentinho, confortável e estiloso, o tricot há tempos conquistou meu coração! E vocês, tem alguma peça de tricot para chamar de sua?

Beijos da Taila.

15 de julho de 2014

Sophie Charlotte: cabelo curto é coisa de mulher

Ontem rolou a estréia da nova novela da Globo, "O Rebu", em um horário bem peculiar (11 horas da noite), e não consegui tirar o olho de Sophie Charlotte!

Sophie é uma das protagonistas da novela e adotou um cabelo curtíssimo, estilo "joãozinho" ou píxie cut. Segundo minhas pesquisas na internet, a inspiração veio da personagem de Jean Seberg no filme "Acossado" e o cantor David Bowie, além de lembrar a atriz Bete Mendes, na primeira versão de "O Rebu". Bete também tinha um cabelo no estilo e que virou moda na época.


Sophie não é a primeira famosa a aderir ao cabelo curto e também não vai ser a última, mas é fato que quando alguém em evidência como ela corta o cabelo, várias mulheres criam coragem para também mudar.

Já tive cabelo curto duas vezes, uma em 2006 e a outra em 2011, e por isso me sinto à vontade para falar de alguns aspectos de ter cabelo curto. Não são bons, nem ruins, apenas coisas que podemos levar em conta antes de decidir cortar ou não o cabelo:

  • O corte curto expõe o rosto! Parece óbvio, mas na primeira vez que cortei não havia pensado nisso.
  • Cabelo curto é mais fácil de arrumar? Sim e não! Se por um lado o cabelo curto seca em 2 minutos, por outro qualquer fio fora do lugar impacta muito mais no visual do que se o cabelo fosse longo.
  • O cabelo curto perde "o corte" muito rápido, quem tem franja entende o que eu falo, você vai no salão, corta a franja linda e maravilhosa e quando chega em casa ela já está tapando o olho. Ok, não é para tanto, mas vocês entenderam.
  • O cabelo curto faz "saltar" o olho, o que eu, particularmente AMO!
  • Abusar de acessórios como brincos, colares e lenços parece bem mais divertido quando estamos com a nuca descoberta.
Além disso, prepare-se para ouvir que "mulher tem que ter cabelão", sim, por que as pessoas acham que podem mandar no seu cabelo. Para essas pessoas, apenas responda que o cabelo é seu e mande um beijinho no ombro!


Agora é a sua vez de me contar, já teve cabelo curto? Tem vontade de cortar?

Beijos da Taila.

14 de julho de 2014

A moda é sobre diversão

Eu passei o fim de semana todinho pensando em qual seria o assunto que reabriria ~os trabalhos~ aqui do blog. Pensei em falar de faculdade, pensei em falar sobre moda para a terceira idade, mas nada disso me pareceu urgente.

Então, depois de muito pensar, repensar e quebrar a cabeça (tá, não foi para tanto), acho que o mais importante é falar sobre a mudança que tive em relação a moda e que comentei em uma postagem na fanpage do blog.

Quando eu comecei a me apaixonar pela moda, ainda criança e mais ainda em 2007, quando estava saindo do ensino médio, o que eu achava incrível era a capacidade que a moda tinha de ser uma forma de expressão. Tanto uma expressão de ideologia, como foi o movimento punk refletido em roupas cheias de pregos, spikes e elementos sadomasoquistas; quanto uma expressão de desejo, como quando alguma super star veste um Versace exalando toda a ~sensualidade~ da marca. Para mim a moda era sobre como eu me vejo, e claro, como quero ser visto pelos outros também.


Ano passado, com o blog já quase completando dois anos de vida, percebi que não estava mais curtindo o que fazia, mas ainda não sabia o que exatamente estava me incomodando. Sabe quando precisamos sair, ir para bem longe e só então enxergar a coisa toda com clareza? Acontece.

Passado meio ano do meu último post, parei por acaso no blog de uma "it girl brasileira" e me dei conta do que estava me deixando frustrada com essa blogosfera: a cagação de regra geral e a pregação de um estilo de vida inacessível para a maioria das mulheres e muitas vezes irreal até mesmo para quem o prega.



"Se você tem quadril largo não pode isso", "se você tem seios fartos não pode isso", "disfarce a barriga com isso", "blablabla whiskas sachê"... tinham colocado regras na minha diversão de criança! Tinham me proibido de usar cintura alta que eu amo :( Sinceramente? Não dá para ser feliz em um mundo tão ditatorial. Não dá para não se frustrar.

Será que já passou na cabeça de alguém que se eu tenho quadril largo, eu posso amá-lo e em nenhum momento querer escondê-lo? E que "ressaltar meus seios fartos" pode não ser um problema para mim? Pois vou dizer uma coisa para os profissionais da moda que colocaram uma tábua de mandamentos em cima do meu corpo: vocês não me representam!


O que quero dizer com isso? Não sei exatamente, mas com certeza o blog está voltando mais leve e menos pragmático. Quero fazer desse espaço algo para celebrar as diferenças e não mais um criador de padrões. Espero poder não somente discutir tendências de moda, mas tratar da moda como um fenômeno social e também falar sobre mercado de moda e faculdade.

Enfim, esperem encontrar de tudo aqui, pois apesar de ter "moda" no nome, esse blog não passa de uma maneira de eu por para fora tudo o que sinto necessário.

Preparem a pipoca e o café e vamos conversar :)
Beijos da Taila.

13 de janeiro de 2014

Golden Globe 2014 - Melhores looks

Voltei! Agora é a melhor parte: os looks que fizeram nosso coração fashionista bater mais forte. Acho os red carpets um excelente momento para buscarmos inspiração para as festas de casamento e formaturas não só em matéria de vestidos, mas em cabelos e maquiagens também. Bora analisar?


Acho quase maldade de Deus colocar no mundo uma mulher tão linda como a Amber Heard. O vestido não tem nada de novo, mas Amber é do tipo que sabe a imagem que quer transmitir e pensa em tudo: jóias, cabelo, maquiagem e postura. Poderosa!


Amei absolutamente cada detalhe desse look da Emma Roberts! O vestido Lanvin com cauda sereia ficou perfeito na sua estatura pequena, o maxi brinco turquesa que iluminou o rosto, o cabelo lambido. Vai para a pastinha de inspirações.


Sofia Vergara estava estonteante balançando seu vestido preto Zac Posen. Somos acostumados a ver Sofia usando vestidos estilo sereia, mas amei que ela escondeu um pouco seu corpo voluptuoso nesse look. Só trocaria esse colar com aspecto de eBay por algo mais sofisticado.


UAU! Se alguns looks deixaram a desejar em matéria de glamour, Kate Beckinsale trouxe de sobra. O vestido com uma profusão de brilho e canutilhos deve pesar meia tonelada e apesar de ter revelado que o zíper estourou minutos antes do início da premiação e teve que ser costurado no carro às pressas, o vestido ficou perfeito em seu corpo.


Lupita Nyong'o, anotem esse nome. Em seu primeiro red carpet, a atriz que concorreu para o filme "12 years a Slave" apareceu chic e minimalista em um vestido com capa vermelho Ralph Lauren. Deslumbrante! Lupita inclusive arrancou elogios de Warden Neil, designer-chefe e stylist da premiação: "Foi o mais bonito vermelho que eu já vi." Janie Bryanyt, figurinista de Mad Men, também ficou impressionado. Na minha opinião: o melhor da noite!

Golden Globe 2014 - Piores looks

O Golden Globe abriu a temporada de tapetes vermelhos de 2014. Para quem trabalha e ama moda, é quase que obrigação acompanhar os melhores (e piores) looks desfilados pelas celebrities.

Resolvi mostrar aqui quais looks, na minha opinião, se destacaram mais, seja por bem ou por mal. Nesse post vou mostrar quais as atrizes que fizeram uma péssima escolha na hora de se vestir.


Lena Dunham, de Girls, foi com esse Zac Posen amarelo canário, cor super ousada, e até aí tudo bem, o problema é que chega a dar um nervoso olhar para esse ajuste péssimo. O topo do vestido puxa em todos os lugares imagináveis. A star ainda disse ao entrevistador do E!: "Alguém me disse para fazer um 's' com o meu corpo (para fotografar). Zac, que fez esse vestido. Eu não acho que isso pareça ótimo, só estou dizendo o que me foi dito para fazer."


Drew Barrimore apareceu com esse vestido que na minha opinião parece vindo num kit para crianças "do it yourself". A estilista do vestido floral é Monique Lhuillier e Drew contou que provou vários modelos antes de se apaixonar por esse. Não gostei não, mas tá feliz, tá gravidíssima e é isso que importa. Next!


Uma Thurman, sua linda, quem fez isso com você? Esse Versace preto com gola alta é super datado, gótico, pesado e ainda por cima com cara de barato. Não gostei. Queria vê-la em um vestido mais leve. By the way, amei os brincos e pulseiras de diamantes Chopard.


A atriz Berenice Bejo é dona de uma beleza natural, mas nem por isso ficou bem nesse Giambattista Valli. Apesar da cor poderosa, o resto do vestido parecia sugar a atriz desde o ombro até a enxurrada de flores no quadril, que ainda por cima aumentaram sua silhueta. O efeito final ficou super carregado.


Julia Roberts é musa, é diva, já cansou de comparecer a red carpets, mas preciso falar: não amei esse vestido. Parece que ela iria sair do Golden Globe, arrancar o cinto de diamantes, encurtar a barra e aparecer direto em uma reunião de negócios. Achei que ela merecia mais.

Agora comentem qual a opinião de vocês, acompanharam o tapete vermelho? Discordam de algum comentário? Amanhã, ou hoje se der tempo, vai ter post com os melhores desse Golden Globe.

Bj, T.

9 de janeiro de 2014

Meu look - Casamento Jordana e Marcos

Em novembro tive a honra de ser madrinha no casamento de uma pessoa muito especial para mim, minha dinda de crisma e ex companheira de balada Jordana. Na correria de final de ano acabei não mostrando aqui o look que usei na ocasião e achei que já havia passado tempo demais para postar, mas mudei de ideia pois todas sempre gostamos de nos inspirar para esse tipo de festa mais formal, certo?

Minha ideia inicial era usar um vestido pink liso e ousar nos acessórios, mas depois de provar vários modelos achei esse na Macy's de Orlando e foi tipo: amor a primeira vista! Achei o corte dele super clássico e um vestido relativamente comportado: sem decote, fendas, excesso de brilho, etc. Perfeito para uma madrinha! Nada mais brega que seu vestido cegar os noivos de tanta lantejoula, ok?!

Logo que provei sabia que o acessório principal do look seria esse cinto de madrepérolas da Patricia Bonaldi: lindo de morrer! O cabelo e a make up ficaram a cargo do top Kaká do KK Espaço Hair.

Tirei poucas fotos, mas acho que deu para ver bem a proposta:


Vou aproveitar o post para dividir com vocês algumas novidades que me fizeram começar o ano com a cabeça fritando de tanto pensar, rs. O primeiro deles é que estou iniciando minha carreira de personal stylist autônoma, já que não vou ter vínculo direto com nenhuma loja, o que dá mais credibilidade e flexibilidade para trabalhar com diversos tipos de clientes. Além disso, a consultoria de moda pode ser feita de forma online, caso alguma das leitoras do blog que não são da região tenha interesse :)

Além disso estou trabalhando na criação de um brechó online, ainda sem nome, mas que vai vender somente peças de qualidade e pouco uso. Sabe aquele vestido maravilhoso que você usou só uma vez? Ou aquela bolsa carérrima que você comprou no impulso, mas que definitivamente não combina com o seu estilo? O jeito é desapegar para que outra pessoa possa fazer um melhor uso da peça! Além de contribuir com a economia sustentável, você ainda ganha uma grana se desfazendo de algo que está encalhado no seu guarda-roupa.

Fora os dois projetos acima ainda tenho mais um sendo pensando "a duas cabeças", mas que só vou divulgar quando estiver 100% (mistério hahah) e outra mudança que também espero se concretizar para contar tudo aqui.

Para quem tiver interesse em mais informações sobre a minha consultoria de moda ou sobre como desapegar de suas peças no brechó os contatos são os seguintes:
E-mail: tailazagonel@gmail.com
Whatsapp: (51)9559-9336

Eu estava usando:
Vestido Macy's / Brincos Rafaela Andrade / Cinto Patricia Bonaldi / Bolsa e bracelete antigos/ Sandália Arezzo

19 de novembro de 2013

Meu look - Wedding

Bom dia, meninas! Conforme prometi ontem na fanpage do blog, vim mostrar melhor para vocês o look que usei no último sábado, no casamento da Aline Casarin e do Giancarlo Balestro.

Como trabalhei o sábado inteiro, acabei não podendo ir na cerimônia na igreja e em consequência da correria acabei esquecendo de levar minha câmera. De qualquer forma, vou tentar compensar a qualidade baixa das fotos na quantidade, ok?

Acabei escolhendo o meu vestido em cima da hora, para ser mais exata: dois dias antes da festa! Na verdade eu havia comprado um vestido da Betsey Johnson quando viajei à Florida, mas apesar do vestido ser lindíssimo, achei simples para a ocasião. Quase tive um ataque quando abri a caixa da IORANE aqui na Concept Of Life e me deparei com essa peça em renda divina. E o melhor: o vestido serviu perfeito, nem precisei ajustar. Só tenho a dizer que recebi muitos elogios pelo vestido na noite e estava me sentindo linda, olhem só:


Achei algumas fotos que tirei com a câmera de outras pessoas e mostram melhor a cor do vestido que fica entre o azul e o roxo:

Com a linda e elegantérrima Marta Kipper
Com a Dona Tirda, avó do meu namorado. Adorei o vestido dela!
Roger Pitt (kkk) e minha sogra Léa da Graça.

Ah, meu cabelo e make fiz na Sun Kiss, respectivamente com a Josi da Luz e a Sandra Weber. Amei demais o que elas propuseram para mim e fotografei também para vocês se inspirarem:

Trança embutida finalizada com um coque donnut. Lindo, lindo, lindo! E aqui dá para ver bem o detalhe dessa renda magnífica!

E então, meninas, aprovaram minha escolha?

Eu estava vestindo: 
Vestido Iorane para Concept Of Life / Brinco e bracelete Flavia Caldeira / Clutch Guess / Shoes Steven Madden